Queiroz aceita assumir culpa no caso Coaf, mas impõe condição a Flávio

Fabrício Queiroz, ex-assessor e ex-motorista do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), vai assumir a culpa de tudo no âmbito do caso Coaf, segundo informou o colunista Lauro Jardim na edição deste domingo (27) do jornal “O Globo”.

Comentários