O dia em que Eduardo Bolsonaro quis juntar as palavras “Lula” e “livre”





Reinaldo Cruz

Tudo que envolve a política no Brasil é subjetivo e as armadilhas estão espalhadas por toda parte, afim de provocar constrangimento por meio da Internet. Não é maldade da produção do programa ou de quem o dirige, mas todo texto, som e imagem que cai na rede fica sujeito a ser transformado em pegadinha pelos haters que vigiam cada bite da web em busca de momentos inusitados como este protagonizado pelo Deputado Federal por São Paulo. Convenhamos que ele colaborou muito para o meme, mas os que acompanham a política sabem que jamais ele pronunciaria "Lula-Livre" se não tivesse um bom motivo para isso.

Comentários

Questão Brasil - 09/04/2019