"A Vida Invisível de Eurídice Gusmão", de Karim Ainoüz, no Festival de Cannes

     O Brasil ganhou o primeiro lugar na mostra Um Certo Olhar com o filme A Vida Invisível de Eurídice Gusmão, do cineasta cearense Karim Ainouz.



A obra é uma adaptação do livro de mesmo nome, de Martha Batalha, sobre a história de duas irmãs no Rio de Janeiro nos anos 1950.

Comentários

Questão Brasil - 09/04/2019