Maduro rejeita ultimato europeu


Numa entrevista à CNN Turk, o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, diz que "toda a Europa está ajoelhada aos pés dos Estados Unidos"
Vários países europeus deram ao presidente venezuelano oito dias para convocar eleições, caso contrário reconhecerão Juan Guaidó como "presidente interino".

Comentários