Direita comemora declarações de Cármen Lúcia, mas juristas veem Lula livre e no jogo eleitoral

Os desembargadores do TRF4 montaram um espetáculo que irá lhes render muitos aplausos em restaurantes, teatros, cinemas e voos comerciais, mas, na vida real, os especialistas em Direito já dão como grande a possibilidade de que o ex-presidente não seja preso antes de ser julgado pelo menos em terceira instância. Ou em quarta.

Postagens mais visitadas