O triunfo da vontade, e a derrota do Estado de Direito – Jeitinho, o pecado de uma nacão



Por Luciano Morais, violonista, pesquisador e professor. A pessoa que pensa que ser artista é exercer a absoluta liberdade, e que liberdade é exercer a absoluta vontade, está completamente equivocada. Basta que exerçamos a “liberdade” de “querer fazer” um retrato de uma pessoa para entender que, em arte, o querer não basta. É preciso técnica,…
via O triunfo da vontade, e a derrota do Estado de Direito. — Jornalistas Livres

Postagens mais visitadas