MIRIAM LEITÃO RECONHECE QUE A CRISE COM TEMER É INTERMINÁVEL