Em Goiás, onde as OS's tem 90% de aprovação na Saúde? Costureira com nódulos nos seios luta há 1 ano por terapia na rede pública

Mulher de 37 anos conta que consultas sempre são desmarcadas.
'Até quando vou esperar na fila?', questiona a paciente, em Goiânia. 

 A costureira Ariomária de Oliveira, de 37 anos, descobriu há um ano que está com nódulos nos seios e, desde então, luta por atendimento na rede pública de saúde, em Goiânia. 

Ela conta que as últimas consultas foram desmarcadas.
“Estou com muito medo, ontem nem dormi, não dormi de noite porque estou preocupada. Eu tenho dois filhos para criar, não é fácil. Até quando eu vou esperar na fila?”, lamentou a costureira. 

Ariomária começou a peregrinação na rede pública em fevereiro do ano passado. Na época, ela foi avaliada por uma ginecologista no Centro de Atendimento Integral à Saúde (Cais) do Setor Vila Nova.

Comentários

Questão Brasil - 09/04/2019