Insegurança toma conta do Brasil: Arrastão dentro de ônibus na Grande Vitória



Notícias sobre crimes estão se tornando corriqueiras no nosso dia à dia e as pessoas estão perdendo a capacidade de se indignar com os relatos absurdos nos quatro cantos do país.

Governos estaduais que são responsáveis pela segurança, estão perdendo a capacidade de gerir a pasta, reclamam da falta de verba, e pior, também não tem nenhum projeto para oferecer a sociedade.

Em mais um arrastão a ônibus na Grande Vitória, população indignada com a falta de segurança. 


O lamento é de quem não acredita mais em punição para um crime cada vez mais comum. 


Com a proximidade do Natal, a situação costuma piorar. "Isso piora porque as pessoas estão com dinheiro e vão comprar 'isso e aquilo'. Eles ficam no terminal olhando quem tem as coisas e rouba, furta", falou o motorista.

Passageiros inseguros

A polícia costuma atuar dentro dos terminais, quando é acionada ou quando tem alguma suspeita, mas os passageiros contaram que mesmo assim se sentem inseguros.

"Eu ando sem relógio, sem nada. A gente tem medo de usar as coisas e ser assaltada", disse a dona de casa Regina Gomes.

Por causa de frequentes assaltos do tipo, a atendente Jocilene de Oliveira não entra em qualquer ônibus. "Eu não pego o [ônibus] 504, porque pegando ele, assim que chega no [bairro] Parque da Cidade eles assaltam", relatou.

Comentários

Questão Brasil - 09/04/2019