Da Euforia à Decepção: Anselmo Pereira é indiciado pela polícia por usar servidores do Estado em seu gabinete

A notícia dada de forma abrupta, sem a devida checagem dos fatos assusta, pois a conduta de Anselmo Pereira nunca nos levou a pensar que ele se permitiria participar de algo que pudesse envergonhar a sua família, ele próprio e os goianos que votaram ou não nele.

Peculato é crime.

Anselmo Pereira, Armando Vergílio e Nelson Siqueira poderão exercer seu amplo direito de defesa, antes que a mídia e as redes sociais promovam um linchamento publico, sim porque com o advento da Internet, todo mundo acha que tem o direito de ser o "juiz" da questão e julgar se a pessoa tem ou não culpa. 

Comentários

Questão Brasil - 09/04/2019