Quinta Feira tem reunião para decidir - Liberação da maconha medicinal pode chegar antes do ano novo

Uma das definições mais aguardadas é a reclassificação, pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), do canabidiol (CBD), presente na maconha.

Da lista de substâncias proibidas, ele passaria a ser de uso controlado. Na prática, isso garantiria que os pais pudessem importar produtos com CBD sem a necessidade de autorizações especiais.

Na próxima quinta-feira, haverá uma reunião pública da diretoria colegiada da Anvisa, em Brasília, para avaliar a reclassificação do CBD.

A primeira ocorreu em 29 de maio, mas não teve resultado prático.
Liberação da maconha medicinal pode chegar antes do ano novo - Jornal O Globo

 

Comentários

Questão Brasil - 09/04/2019