Nem tudo são flores ou Ceni no São Paulo - 'Aidar é presidente ilegítimo e deu o golpe', ataca Juvenal Juvêncio

O ex-presidente do São Paulo rebateu as críticas feitas pelo seu sucessor em entrevista publicada nesta segunda-feira na coluna de Sônia Racy no Estado.

“Ele é um presidente ilegítimo porque ele traiu e deu o golpe nos eleitores”, ataca Juvenal.

O ex-presidente diz não deixou o clube endividado, como Aidar afirma, e que o time vice-campeão brasileiro foi montado por ele, com exceção de Alan Kardec, contratado do Palmeiras com dinheiro que ele deixou em caixa.
'Aidar é presidente ilegítimo e deu o golpe', ataca Juvenal - Esportes - Estadão

Comentários

Questão Brasil - 09/04/2019