'A situação ainda não é boa', avisa Muricy Ramalho sem querer desmerecer Autuori

Muricy Ramalho tenta colocar a situação de uma forma que não atinja Paulo Autuori, mas não consegue
Com a chegada de Muricy Ramalho, o São Paulo já somou duas vitórias seguidas, diante de Ponte Preta e Vasco, e conseguiu sair da zona de rebaixamento do Brasileirão. Mas o próprio treinador evita euforia, lembrando que a ameaça persiste - o time está com 24 pontos, fora do grupo dos quatro últimos colocados apenas por causa dos critérios de desempate.
"A situação ainda não é boa. Não podemos nos entusiasmar. Temos que trabalhar muito", disse Muricy, após o jogo deste domingo, quando o São Paulo ganhou do Vasco por 2 a 0, em São Januário, no Rio.
Apesar de ter duas vitórias em duas partidas no seu retorno ao clube, Muricy evitou destacar pontos negativos antes de sua contratação. "O Paulo (Autuori, seu antecessor no cargo) é campeão de tudo. Se eu ficar falando de como as coisas estavam erradas, poderia respingar em alguém", justificou.
Leia mais: 'A situação ainda não é boa', avisa Muricy Ramalho - Diário do Grande ABC

Comentários

Questão Brasil - 09/04/2019