Barbosa acusa Lewandowski de fazer 'chicana', e ministro cobra retratação

Os Ministros do Supremo produzem cenas de horror no plenário do STF,
Barbosa e Lewandowski parecem não se entenderem sob penas aplicadas
A sessão desta quinta-feira (15) do Supremo Tribunal Federal (STF) de julgamento dos recursos dos condenados no processo do mensalão foi encerrada no final da tarde imediatamente após uma discussão entre o presidente Joaquim Barbosa e o vice Ricardo Lewandowski (veja no vídeo a baixo).
Em meio a um debate sobre o recurso do ex-deputado Bispo Rodrigues, em relação ao qual os dois divergiram, Joaquim Barbosa acusou Lewandowski de fazer "chicana" (no jargão jurídico, uma manobra para dificultar o andamento de um processo).
Lewandowski tinha sugerido interromper a discussão sobre o assunto para reiniciá-la na semana que vem, mas Barbosa foi contra.
"Presidente, nós estamos com pressa de quê? Nós queremos fazer justiça", afirmou Lewandowski. "Nós queremos fazer nosso trabalho. Fazer nosso trabalho e não chicana", respondeu Barbosa.
Leia mais: G1 - Barbosa acusa Lewandowski de fazer 'chicana', e ministro cobra retratação - notícias em Julgamento do mensalão

Comentários

Questão Brasil - 09/04/2019